Eu lutei contra o que estaria por vir. Não estava pronta.
Eu gostei de você, gostei de verdade. E você me iludiu.
Olhos se encontraram, os meus brilhavam, os seus fugiam. 
Sequer falou comigo, somente foi embora.
Você não gostava de mim? O futuro não ia ser lindo?
Fafá ;*
Anúncios

A menininha foi muito magoada, mas, mesmo assim, dá uma segunda chance ás pessoas que a magoaram.
Aquelas pessoas não sabem aproveitar uma segunda chance, algo que é muito importante na vida da menininha, eles simplesmente jogam no lixo. 
Uma segunda chance é para ser aproveitada, é nela que você vai mostrar o quanto vale e sua verdadeira vontade. Você já estragou sua primeira, então, agarre com força essa nova chance.
Menininhas podem ser ingênuas, podem ser teimosas, podem ser esperançosas, mas elas se cansam e não vão mais correr atrás; tentar fazer tudo voltar ao normal e perdoar sempre.
A partir de hoje, não me apego á ninguém, pois parece que a vida dói menos assim.
Fafá ;*

Resenha: Verdade ou Desafio?

 

 

Achei ótima a ideia de que cada livro iria ser narrado por um dos cinco componentes do grupo. Todos amigos de infância (menos Lia), mas todos com histórias de vida diferentes. E com os livros, vão crescendo e aprendendo sobre a vida. Os livros tratam de temas do nosso dia-a-dia, o namoro de infância que precisa ser acabado, o sonho de ser famosa, o bulling, a inveja, rivalidade, coração divido(no caso, dividido demais), as mudanças do corpo na adolescência, indecisão, escolha profissional, divórcio, amizade, a perda de alguém da família,etc.

Ganhei a coleção em um Natal e, durante uma viagem ao Rio de Janeiro, li todos os seis livros, dentro do carro. Os desenhos das capas são maravilhosos.
Acho que se enquadra melhor para uma leitura de uma pessoa de mais ou menos quinze anos, por tratar de temas que talvez mais novos não entenderão.
É uma série muito boa de livros, muito fácil de ler e de gostar.
BoaLeitura
Fabi

Resenha: Pollyanna

No sétimo ano, tive que ler para a escola.

Perdeu a mãe, depois o pai, teve que morar com a tia que não queria ela em sua casa e mesmo assim sempre foi feliz.Tinha sim seus momentos de tristeza, mas sempre procurou a alegria, é um touro em corpo de borboleta. Desde o instante que chega em sua nova moradia, muda a vida de todas as pessoas do local. A autora trabalhou os temas que são considerados meio “pesados” de um jeito meigo e delicado, com uma visão que quase ninguém tem.
Acho que foi um dos livros mais lindos que já li, mostra que tudo SEMPRE tem um lado positivo e temos que buscá-lo em todos os momentos. Ela é um exemplo de “pessoa” para todos, principalmente para aqueles que reclamam de tudo.
É tão bom que estou relendo pela quarta vez e quando terminá-lo vou procurar ler o Pollyanna Moça.
BoaLeitura

Resenha: Poderosa

Ganhei de dia das crianças, e achei a história meio bobinha.. Mas li todos os cinco livros XD
Foi uma coleção que eu e todas as minhas amigas leram; e hoje minha irmã está lendo. E a maior discussão que nós tínhamos era: Como é incrível um escritor homem escrever sobre coisas que afetam mesmo as meninas, do amorzinho até a menstruação…
Joana Dalva, depois de um trabalho de história, descobre que, tudo o que escreve com a mão esquerda, vira realidade e por isso se mete em MUITA confusão, mas arranja um namorado fofinho, ressuscita sua avó e faz novos amigos.
1º- Me interessei pela história de Joana D’Arc por causa deste livro.
2º- Eu sou canhota e nada do que escrevo vira realidade!!!! Ô PRODUÇÃO! ISSO TÁ ERRADO!!!!
É um livro que se encaixa bem para leitura de pré-adolescentes…
Dá para dar boas risadas, tentar descobrir o que está acontecendo e também dá para ler cada livro em um dia.
BoaLeitura

Resenha: Não sou esse tipo de garota

Uma menina normal, inteligente e certinha, reencontra uma menina da qual era babá. Essa menina “nova” era dita como “vagabunda” e só fazia coisa errada.
A menina normal tinha muita pressão por ser presidente da turma e tinha que ser perfeita.
Um cara legal começa a gostar dele e eles começam a ter um “rolo”… Sim, um rolo, porque a relação deles se resume a encontros em um galpão para NAMORAR, sexo só aparece nas ultimas páginas do livro.
Ela só tratava mal o menino que amava ela, tive momentos nos quais eu queria bater nela! Mas no final dá tudo certo e ela vê que cometer erros e fazer algumas coisas, não a torna uma má pessoa.
E ela se torna “esse tipo de garota”! Mas acho que todas nós um dia seremos…
Não foi um livro que me prendeu totalmente,só tem coisas do nosso dia-a-dia, mas é uma boa história.
BoaLeitura

P.s. Achei a capa MUITO mal feita, até eu faria melhor. Mas fazer o quê…

Resenha: Destino

Em português o título é Destino. Me interessei pelo livro por causa da capa, que sim… É VERDE-LIMÃO!
Mas depois que li resenhas sobre o livro, eu tinha que lê-lo!
Depois de ler o livro eu fiquei dividida, matade de mim ficava revoltada e achando que iria enlouquecer em uma sociedade assim. Mas a outra metade ficou pensando em como ia ser bom viver em um local onde os outros fazem as escolhas por você (pelo menos por uma semaninha…  Não iria precisar pensar em o que comer (sem pensar em emagrecer ou engordar), você já teria um par para casar, iriam valorizar seu talento… Mas ia ser horrivel ter pessoas cuidando de sua vida, escolhendo vai irá morrer, quantos filhos ter, com quantos anos fazer cada coisas em sua vida…
E durante o ano passado, em que comecei a ter aulas de filosofia,  percebi que o livro é voltado para esse assunto. Qual é o limite de poder do Estado sobre a população?
É um livro que te faz refletir muito e eu amei lê-lo. Amei TODOS os personagens e estou esperando loucamente pelo próximo volume (que está demorando séculos para chegar ao Brasil).
BoaLeitura