Resenha – Cisnes Selvagens

Jung Chang, em 1991, professora na Escola de Estudos Orientais e Africanos da Universidade de Londres, narra neste livro a história de sua família na China através das experiências de vida de sua avó, mãe e dela própria, desde a época feudal até quando ela conseguiu uma bolsa de estudos na Universidade de York e saiu do país. O principal foco do livro é acompanhar toda a época do comunismo liderado por Mao Tsé-Tung e a perca da inocência precoce na população chinesa.
Ela relata dor, fome, desespero e outras barbaridades sem filtro algum, pois foi o que ela viu e vivenciou e quis mostrar toda a verdade em sua escrita. E conseguimos entender a mente de pessoas que, por anos, endeusaram um líder político independente dos absurdos de tudo que acontecia e relevaram todas as catástrofes consequentes do comunismo e da Reforma Cultural.
Acompanhamos um sonho por um país melhor e sem desigualdade que vira uma decepção enorme a ponto de enlouquecer e sofremos junto aos protagonistas.
Chega a ser engraçada a ironia de uma política querer tanto aterrorizar a população sobre o “terrível mundo ocidental” que faz com que a nossa narradora se encante e deseje conhecer esse novo mundo.
Demorei um mês em meio para completar a leitura, não pelo livro ser chato, ele é incrível, mas por ser muito denso, cada página continha muita informação e em letras pequenas. Foi como se eu passasse cerca de 70 anos na China e conhecesse todas o sofrimento e a beleza escondida em tudo.
O livro me foi emprestado pela minha mãe, não sei se ainda está sendo publicado, mas deve ser encontrado em sebos. Super recomendo!
BoaLeitura

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s